Paróquia Nossa Senhora Aparecida
Notícias da Paróquia
 
27.Fev - Ter compaixão é ter mais amor nas mãos e ter mais justiça no coração
Ter compaixão é ter mais amor nas mãos e ter mais justiça no coração

 


A celebração Eucarística da quarta-feira de cinzas, nos convida a conversão e que creiamos no Evangelho, para que nos indicar caminhos para esta conversão, a Igreja sempre nos propõe direções e ações. Foi repassado a todos os fiéis os objetivos e metas da Campanha da Fraternidade de 2020, por Fernanda Lyra, engajada em projetos sociais, movimentos de oração e pastorais.


"A Campanha da Fraternidade deste ano tem como tema:


Fraternidade e Vida: Dom e compromisso.


Esta campanha está nos convidando a refletir sobre o significado da vida nas diversas dimensões: Pessoal, comunitária, social e ecológica. Ela fala da vida, sobre o dom da vida que é um presente de Deus e deve ser defendida e Deus coloca o ser humano para cuidar de toda sua criação. O lema da campanha: “Viu, sentiu compaixão e cuidou dele”.
Esse lema se segue a parábola do “Bom Samaritano” que nos inspira e ensina sobre o compromisso de cuidar do próximo. Então todos nós somos chamados a cuidar daqueles que são mais necessitados.
Santa Dulce dos Pobres foi a inspiração para o cartaz da C.F. É a figura dela na Bahia cidade de Salvador, rodeada dos pobres que ela cuidava, é um exemplo a ser seguido nessa campanha em defesa da vida.


Na 1ª parte do lema: “Ele viu” nos remete a reflexão do quê devemos ver em nossa sociedade?
- Devemos olhar e ver as desigualdades sociais, a indiferença pelo mendigo, órfão, imigrante, os rostos dos pobres, os legislações contra a vida, o desempregado, as doenças emocionais, o suicídio, os acidentes de trabalho, o feminicídio, as fake News, os conflitos no campo, intoxicação tecnológica. Diante de tudo isso...


 Como está sendo nosso olhar? Está sendo solidário?



Na 2ª parte diz “Sentiu compaixão” e sentir compaixão significa você ter o desejo de aliviar a dor/sofrimento do outro, com gentileza na ação.
Ter compaixão é ter mais amor nas mãos e ter mais justiça no coração. Ter compaixão é o oposto de ter um coração de pedra, devemos quebrar o coração de pedra em nós.
E só através do amor podemos nos compadecer com o outro. E é no amor que está o sentido da vida.



A 3ª parte diz “Cuidar dele”, portanto nós devemos nos compadecer e cuidar do outro, da nossa casa comum, do meio ambiente, dos animais, de toda a criação divina.
Pois a vida é um intercâmbio de cuidados. E cristão verdadeiro não abandona o irmão. Portanto somos convidados a amar com atitudes, amar com o olhar, amar com as mãos, amar com o agir.  Toda pessoa é digna nossa dedicação. ‘


 


Fotógrafo: Internete

Fonte: Pascom

Indique a um amigo
 

Copyright © 2020 Paróquia Nossa Senhora Aparecida. Todos os direitos reservados.